Fundação de Olinda e Salvador:

Curiosamente, a história de Pernambuco começa quase 2 mil quilômetros de distância mais ao sul, no Rio de Janeiro, mais precisamente na Baía de Guanabara. Como comentamos no episódio #86 sobre a Fundação de São Vicente, a primeira feitoria estabelecida no atual território brasileiro foi a Feitoria do Cabo Frio, em 1504, erguida pelo italiano Américo Vespúcio e os náufragos que ele e o líder da sua esquadra, o capitão português Gonçalo Coelho, haviam resgatado na Ilha de Fernando de Noronha. Essa feitoria não teve uma vida muito longa, tendo sido destruída pelos Tamoios que consideravam o Cabo Frio um de seus mais sagrados sítios litúrgicos.

No entanto, nessa mesma expedição, Gonçalo Coelho e Vespúcio, estabeleceram uma segunda feitoria na região, a Feitoria da Baía do Rio de Janeiro ou Feitoria da Guanabara. Esta feitoria, localizada na foz do rio Carioca, no atual bairro do Flamengo, foi erguida em 1504, e se tornou o primeiro entreposto permanente de extração de pau-Brasil na América. Naquela época, o pau-Brasil era abundante em todo o entorno da Baía de Guanabara. Contudo, os comerciantes da Feitoria do Rio de Janeiro jamais poderiam imaginar que, ao inaugurar à indústria de extração intensiva de pau-Brasil, eles estariam dando nome a todo um país e a toda uma nova civilização. Já na primeira década do século XVI, os feitores da Guanabara passaram a ser referidos como “brésiliens” pelos navegadores franceses que vinham ao Rio.

Fundação de Olinda e Salvador

O termo “brésilien” em francês daria origem aos termos “brasileño”, em espanhol, e “brasileiro”, em português. Assim, em 1510, o termo “Terre du Brésil”, ou seja “Terra do Brasil”, já havia substituído para sempre o nome “Terra de Vera Cruz” criado pelos portugueses…

Saiba mais sobre isso ouvindo Fundação de Olinda e Salvador.


BAIXAR VERSÃO ZIPADA

download versão zipada


AJUDE O TEMACAST A CRESCER

PARTICIPANTES

FONTES
  • Livro: “Cartas Jesuíticas do Brasil”, vários autores.
  • “Anais de D. João III”, Frei Luís de Sousa.
  • Livro: “História Geral do Brasil”, Francisco Varnhagen.
  • Livro: “História administrativa e econômica do Brasil”, Hélio de Alcântara Avellar.
  • Livro: “Náufragos, traficantes e degredados: as primeiras expedições ao Brasil, 1500-1531”, Eduardo Bueno.
  • Livro: “Capitães do Brasil: a saga dos primeiros colonizadores”, Eduardo Bueno.
  • Livro: “Cartas de Duarte Coelho a El Rei”, José Antonio Gonçalves Mello
  • bndigital.bn.gov.br
  • Outras fontes

TRANSCRIÇÃO DO ÁUDIO

Equipe de Transcrição:
Karla Michelle Braga –  Facebook
Fernanda Marini – Twitter: @femarini
Link: Em andamento


VITRINE

MÚSICAS DESTE EPISÓDIO

NOSSA PLAYLIST NO SPOTIFY:

Link


NOSSO GRUPO NO FACEBOOK

Se você quer participar do nosso grupo basta ir AQUI. Participando você poderá sugerir pautas, interagir com outros ouvintes do Temacast, participar de sorteios e saber com antecedência de várias coisas que ocorrerão num futuro breve.


ASSINAR

Feed | iTunes | Android | Email


TemaCast © 2014-2018
Scroll Up