[baixar versão zipada]
saiba como baixar

– Retrô 2014 –

Durante o ano de 2014, como em qualquer outro ano, alguns acontecimentos de grande importância são negligenciados pelas mídias de massa. Normalmente estes acontecimentos perdem espaço para outros que não possuem nenhuma importância para melhorias de nossas vidas e do nosso futuro. Neste episódio abordamos alguns acontecimentos que foram desprezados em 2014 mas que certamente terão grande impacto na qualidade de vida de todos os habitantes deste planetinha!

A tela de LCD ou de OLED do seu computador ou smartphone é resultado de um desses eventos. Você sabia?

Saiba mais sobre este assunto e muitos outros neste episódio que fala sobre ciência, arte, tecnologia, comportamento, arqueologia, etc.


PARTICIPANTES

VEJA MAIS


FONTES
Está com dificuldade para comentar? APRENDA AQUI

  • carecaeva-01

    Achei muito bacana esta retrospectiva com um olhar em fatos importantes e relevantes. Totalmente diferente das retrospectivas da TV que tem um enfoque em desgraça e futebol. Parabéns pelo episódio.

    • Olá carecaeva-01,
      Nossa intenção era exatamente essa, focar fatos esquecidos.
      Obrigado pelo comentário e um abraço!

      Feliz 2015!!

  • Cliff Rodrigo Silva

    Que ótima maneira de encerrar 204: ouvindo mais um temacast! E o formato de retrospectiva e muito inovador para um podcast. Não ouvi ainda, mas achei muito interessante a proposta. Deixo aqui também os votos de um bom final de ano para todos da equipe. Muito sucesso em 2015! Abraços!

    • Cliff Rodrigo Silva

      Encerrar 2014, ratificando.

    • Grande Cliff!
      Cara, obrigado pelo teu retorno e espero que você goste deste episódio!
      Se puder, volte para nos dizer o que achou, tá?

      Ah! Desejamos para você e para todos que fazem parte da tua vida um excelente reveillon e um 2015 maravilhoso!

      Grande abraço.

  • Nossa, 2014 foi um ano muito intenso. Fiquei até tentando pensar em alguns fatos pra relatar, mas foi tanta coisa, não consegui… Legal vocês terem pego esses fatos que ganharam quase que nenhuma importância na mídia. É lamentável que no Brasil não se valorize tanto a pesquisa, e que grande parte das pessoas não tenham consciência da importância dessas descobertas e trabalhos.
    O que mais chamou minha atenção nesse ano de Copa do Mundo, Eleições e tudo mais foi um mar de declarações preconceituosas, conservadoras, racistas que circularam da mídia em geral. Foi de deixar os cabelos em pé, assustador mesmo. Temos uma longa caminhada pela frente, vamos simbora…
    Gente, tô rindo até agora do comentário com direito a efeitos sonoros! hahahahaha Adorei!
    Poisé, foram tantos biscoitos amantegados, cafés, panetonis e bolos de laranja que depois dessas festas de fim de ano a balança já acusa que tá na hora de parar. Acho que vou ficar só com um cházinho dessa vez. hahaha
    Um abraço pra todo mundo!

    • Oi Flávia!
      Você está certa sobre a quantidade e qualidade dos eventos de 2014.
      O que a gente não pode ignorar é que a grande mídia entrega aquilo que as pessoas irão gostar e dar atenção e infelizmente no Brasil mais vale uma fofoca sobre uma pseudo-celebridade qualquer, uma fofoca sobre evento que não significa nada do que um fato que irá mudar nossas vidas e nosso futuro. Se o povo quer porcaria a mídia entrega porcaria. É assim!
      Mas, quanto a nossa salinha com bolinhos, biscoitinhos e outros quitutes eu discordo de você. Estava até pensando em bolinho de chuva lá para março… o que acha?

      Grande abraço pra ti e 2015 dos 10+

    • Obrigado pelo comentário, Flavia. Desejamos a você e a todos nossos ouvintes um ótimo 2015!

  • Renato Bacon Andrade

    Olá! Foi a primeira vez que ouvi o temacast e achei uma experiência muito agradável. Gostei muito da forma do Francisco conduzir o programa e dos comentários do Larissa.
    Muito bom o foco ser diferente das demais retrospectivas que acompanhamos por aí.
    Vou passar a ouvir sempre este podcast. Sucesso!

    • Olá Renato,
      Obrigado pela visita e pelos elogios!
      Te convido a ouvir os outros episódios que temos e tomara que vc goste e nos dê retorno através dos seus comentários!

      Grande abraço!

    • haha, só não gostou de mim. rss

  • Olá!

    Grande episódio – uma abordagem diferente daquela que a gente costuma ver o tocante a retrospectivas.
    Alguns dos pontos tocados me encheram de orgulho, outros me assustaram. No fim, 2014 foi um ano cheio de relevância.

    Um tema que muito me chamou a atenção foi o comportamento durante as eleições – claro, isso ficou bem evidente para todos, e acho que, de certa forma, este comportamento foi explorado no episódio sobre Agressividade na Web. Enfim, isso sem dúvida foi algo bem marcante para mim (e, infelizmente,
    de forma negativa).

    Apenas uma breve correção: as células capazes de reconhecer cores chamam-se Cones, e não Bastonetes, como mencionado no episódio ali pelos seis minutos.

    Parabéns pela proposta deste programa e um grande ano para todos os integrantes do Temacast!

    • Obrigado Fabrício.

      Feliz 2015 para você e para o Promontório Estéril. E que venham muitas outras gravações juntos.

      • Estarei sempre disposto a ajudar aqui no Temacast! Só me chamar! haha

    • Grande Fabrício!
      Obrigado pelo comentário e pela correção. A verdade seja dita é que eu acabei, na minha incerteza, induzindo o erro. Fica aqui as minhas desculpas para você e para todos os ouvintes!
      Grande abraço pra você e muito sucesso no Promontório Estéril

      • Ah, um engano ou outro sempre acaba acontecendo – no meu podcast eu também acabo me enganando às vezes. Não se preocupe com isso (:

        Muito sucesso, e que venham muitíssimos outros episódios neste ano!

  • Vitor Urubatan

    Rsss gostei da iniciativa de realçar os fatos marcantes do ano passado.
    E pensar que 2015 já está acabando e tanta coisa aconteceu.

    Vamos ver o que pretendem discutir no próximo retrospectiva.

    • Vamos tentar fazer alguma coisa no mesmo estilo Vitor.
      obrigado

      • Vitor Urubatan

        Eu vou cobrar rsss.

  • Leonardo Persan

    Excelente abordagem e temas escolhidos.

    Devo confessar, Larissa, que eu também tenho medo de algumas invenções tecnológicas, rsrs.

    Ao fazer uma pesquisa sobre Inteligência Artificial, para a faculdade, imaginei que seria algo tão absurdamente complexo de ser entendido que poderia responder que um sistema jamais substituiria o ser humano. Porém conceito desse tipo de sistema é muito simples, qualquer pessoa que tenha estudado o básico de lógica de programação poderia desenvolver um. A dificuldade de fazer um programa que nos substitua, está em entender como o cérebro humano funciona, mas pesquisando sobe as nove inteligências que Gardner propõe, todas são possíveis de serem transformadas em softwares, menos a Intrapessoal e a Existencial.

    PS.: Fazia tempo que não ouvia a palavra Pimpão kkklkk

    Um grande abraço.

TemaCast © 2014-2017
Scroll Up