Inês de Castro – A Rainha Morta:

Antes de entrarmos no tema propriamente dito deste episódio [ Inês de Castro – A Rainha Morta ] é preciso contextualizar a situação em que vivia a Península Ibérica naqueles tempos. Após a queda do Império Romano, a antiga província romana da Hispânia foi invadida por germânicos cristianizados vindos do leste europeu: os visigodos. [Hispânia correspondia ao que é hoje os territórios de Espanha e Portugal ]. Entretanto, a partir do século VIII, os reinos cristãos acabaram sendo repelidos por um novo e mais poderoso invasor: os mouros islamizados. O islamismo, que havia surgido no século 7 na península arábica, havia conseguido unificar todos os territórios da costa africana do mar mediterrâneo e grande parte do oriente médio e da Ásia Menor, trazendo grande prosperidade econômica e tecnológica para a região.

Assim no início do século 8, os mouros (que eram os descendentes dos árabes com os povos nativos do norte da África) acabaram por atravessar o estreito de Gibraltar e invadir a península ibérica. Após derrotarem Rodrigo, o último rei dos visigodos, na Batalha de Guadalete, no sul da Hispânia, no ano 711, os muçulmanos decidiram estabelecer-se em definitivo na península, a qual rebatizaram para Al-Andalus. Após a conquista moura, o único reino cristão remanescente na Hispânia foi o Reino das Astúrias, localizado na Cordilheira Cantábrica, uma região montanhosa de difícil acesso, bem ao norte da península. Durante os 800 anos de dominação islâmica que se seguiram, o Reino das Astúrias foi o principal refúgio da resistência cristã…

Saiba mais sobre isso ouvindo Inês de Castro – A Rainha Morta.


BAIXAR VERSÃO ZIPADA

download versão zipada


PARTICIPANTES
FONTES

VEJA MAIS
Península Ibérica Século XIII

Península Ibérica Século XIII

 

 

Rocha na Quinta das lágrimas

Rocha na Quinta das lágrimas


VITRINE

MÚSICAS DESTE EPISÓDIO
  • Pedro Macedo Camacho – Requiem Inês de Castro   V Agnus Dei (Coimbra 2014) Soprano Carla Caramujo

Álbum: Alfonso X el Sabio   Cantigas Santa Maria (1221 – 1284)

  1. Intro (CSM 176)
  2. Santa Maria, Strela Do Dia (CSM 100)
  3. Pero Cantigas De Loor (CSM 400)
  4. Instrumental (CSM 123)
  5. Muito Faz Grand’erro (CSM 209)
  6. Por Nos De Dulta Tirar (CSM 18)
  7. Instrumental (CSM 142)
  8. Pode Por Santa Maria (CSM 163)
  9. Miragres Fremosos Faz Por Nos (CSM 37)
  10. Instrumental (CSM 77-119)
  11. De Toda Chaga Ben Pode Guarir (CSM 126)
  12. Pero Que Seja A Gente (CSM 181)
  13. Conclusion (CSM 176)
  • Cari Giorni – Ines de Castro (Giuseppe Persiani)
  • Abba – Dancing Queen
  • F.R. David – Words
  • Gladys Knight & The Pips –  For Once In My Life
  • Journey – Don’t Stop Believin’

NOSSA PLAYLIST NO SPOTIFY:

Link


NOSSO GRUPO NO FACEBOOK

Se você quer participar do nosso grupo basta ir AQUI. Participando você poderá sugerir pautas, interagir com outros ouvintes do Temacast, participar de sorteios e saber com antecedência de várias coisas que ocorrerão num futuro breve.

  • Rafael Marques

    Oi. Sou ouvinte recente do podcast mas já sou fã. Gostaria de parabenizar a todos que o fazem pelo excelente trabalho. Tive bastante dificuldade em encontrar um podcast que cumprisse o papel de informar.

    A maioria dos podcasts que ouvi, feitos por pessoas de minha geração (o que me deixa mais triste ainda) são impossíveis de acompanhar justamente porque parecem feitos por garotos de 6º ano que estão no intervalo da escola.

    Homens de trinta e poucos anos infantilizados, abobalhados, imbecilizados. Não conseguem desenvolver uma única linha de raciocínio sem passar vários minutos presos em piadinhas sem graça.

    Desculpem o desabafo. Minha intenção principal aqui é realmente parabenizá-los.

    Abraços!!

    • Olá Rafael!
      Obrigado pela visita, elogios e pelo reconhecimento de nosso trabalho.
      abração

  • Darley Santos

    Quanto mais escuto sobre a história dos poderosos, mais dou graças aos céus por minha vida ordinária!

    • Jorge Virgilio

      De fato, a vida de muitos nobres – em particular, das mulheres e daqueles que tinham algum tipo de possibilidade de chegar ao trono – era bem menos agradável e glamourosa do que em geral se supõe.

    • Jorge Virgilio

      De fato, a vida de muitos nobres – em particular, das mulheres e
      daqueles que tinham algum tipo de possibilidade de chegar ao trono – era
      bem menos agradável e glamourosa do que em geral se supõe.

      • Darley Santos

        Pessoas assim são mais assediadas, muita gente interesseira ao redor, muitos sorrisos falsos e conspirações sendo tramadas… Poder, poder, poder – parece ser a palavra de ordem desse mundo!

        • Eu diria que a palavra que define o comportamento das pessoas HOJE EM DIA é:
          EU, MEU bem estar, MINHAS vantagens.
          Um egocentrismo e egoísmo imenso, mas talvez sempre tenha sido assim…

  • Lucas Loiola

    Olá podcasters!

    Meu primeiro comentário aqui, apesar de estar ouvindo secretamente por uns 3 meses já…

    Apesar do reboliço de nomes e reviravoltas no trono, o episódio ficou excelente! Desconhecia essa história da coroa portuguesa/espanhola. Como sugestão de pauta, gostaria de um cast sobre um pouco mais dessa dominação moura na península Ibérica.

    Grande abraço e obrigado por mais um ótimo episódio.

    • Jorge Virgilio

      Obrigado pelos elogios e pela mensagem. Bom saber que temos ouvintes novos! A sugestão está anotada. Abraços.

  • Wesley Teofilo Oliveira

    Recentemente descobri o Temacast pelo aplicativo android Player FM.
    Sou professor universitário do Centro Universitário Newton Paiva (BH) de cursos de engenharia e sempre procuro fazer uma ligação dos temas técnicos com a história. Inclusive estamos montando um podcast de engenharia como um projeto de iniciação científica. Gosto da maneira como abordam os temas e sempre sugiro aos meus alunos escutarem vocês.
    Parabéns e continuem com o excelente trabalho. Abraços.

    • Obrigado Wesley, pela visita, elogios e incentivo!
      Boa sorte com o teu podcast

      abraço

  • Edson Correa

    Amigos, sou Edson Corrêa, representante de vendas, 54 anos, de Votorantim interior do Estado de SP. Tenho na minha linhagem, meus avós paternos, são lusitanos, como não poderia deixar de ser a vó Isabel e meu avô Joaquim. Uma curiosidade de minha família, através de meu avô trazíamos em nosso nome Corrêa Pinto. Ninguém sabe explicar o por que, mas meu avô tirou o Pinto dos filhos, permanecendo somente Corrêa Pinto, com suas filhas. Lógico, a situação virou gozação na família.
    Mas comentando o episódio #57, parabéns pelo trabalho, pelas pesquisas, desconhecia essa história, que como foi comentado, parece uma sinopse de novela. Tomando o trabalho de vocês como referência, estou no meu 19º podcast, “oquevoceacha1.blogspot.com.br”, onde pesquiso e tento acabar com minhas curiosidades, perguntando sempre, o que você acha? Já falei sobre Darcy Ribeiro e Carlinhos Brown, como também minha opinião sobre a necessidade de Partidos Políticos.
    Bem, gratidão pelo desempenho desse grande trio, vida longa ao Temacast, nas minhas caminhadas vocês tem a minha preferência.

    • Olá Edson, obrigado pela visita, comentário e apoio que nos dá.
      Que lance do teu pai foi esse, hein? kkkkk
      Abração

  • Jose antonio

    Olá, sou José António, de São Bernardo do Campo, SP, 59 anos prestes a ser um sexagenário e por conta do meu sobrenome, Lucas de Oliveira, eu e meu irmão sempre brincamos que somos descendentes dos mouros que invadiram o sul de Portugal.
    Comecei a ouvi-los por indicação de um amigo de noitada de Poker onde trocamos informações sobre os pods que cada um assina, e como me interesso por história vim atras de conhecer este, é justamente vi um tema que me interessa muito, a história que liga-nós a Portugal.
    Já estive por três vezes visitando o país e nas três vezes passei por Alcobaça onde estão enterrados D Pedro e Inês, inclusive numa das vezes comprei um jogo de copos para licor e em todos havia a inscrição “AMOR ETERNO” justamente para lembrar este momento da história.
    Agora vou começar a maratona, igual fazemos quando começamos a ver aqueles seriados que gostamos….um capítulo atras do outro por horas a fio.
    Na verdade vou intercalar os capítulos desde o início das suas publicações com os novos que serão publicados.
    Parabéns pelo trabalho e terão aqui mais um divulgador.
    Abraços a todos.

    • Olá José, seja bem vindo e obrigado pelo contato e pelas curiosidades que nos contou.
      Esperamos que goste do resto do nosso conteúdo.

      abraço

  • Renver

    Cara vocês devem ter uma tabelinha ou gráfico com os todos os nomes desses nobres e reis (pois vocês não se perdem, isso é incrível)… se tiverem passem ela pra nós.

    • Jorge Virgilio

      O segredo está na pauta. Mas realmente foi difícil para mim, como co-redator, não me perder no meio de tantos Pedros e Afonsos. Eu cheguei a desenhar uma árvore genealógica numa folha de ofício enquanto redigia a introdução mas depois que terminei de escrever joguei-a fora. 🙁

  • Luke L.

    Estou no Temacast 13, comecei a ouvir tipo em Janeiro mas, como passei fevereiro e parte de março sem internet, só agora retomei. É ÓTIMO e daqui a um tempo tô chegando nos mais novos.

    • Valeu Luke.Esperamos que goste dos outros episódios!
      abraço

  • Naelton Araujo

    “Inês é morta” quanta vezes eu escuto esta experssão e não conhecia a história por tras. Muito bom este episódio. Gostei da lenda do cadaver da rainha morta e as pessoas obrigadas a reverenciá-la… dava um filmão de horror. Valeu muito este episódio pra dar um nó na nossa cabeça com os nomes repetidos dos nobres. Mas a história toda tem um quê de romance de ficção que torna muito estimulante para a imaginação. Muito obrigado.

  • OI, pessoal! Hoje coloquei este para ouvir com minha mãe. Finalmente, né? Gostamos muito e é uma confusão de Pedros e Afonsos, não? Sei que em Portugal, hoje em dia, há uma lei para registro de nomes de bebês. Eles têm uma lista e você não pode fugir dela. Se o nome escolhido não estiver lá, os pais não podem registrar a criança. São nomes que eles consideram bons. Muito curioso, não é? Minha mãe gostou do episódio, pois ela não conhecia os detalhes da história. Forte abraço a todos vocês. Vamos continuar na maratona aqui e deixando os comentários.

TemaCast © 2014-2017
Scroll Up